[ad_1]

Publicado: 31/01/2022 às 11:01

Circular NROI 001 – Revisão dos Manuais.

Belo Horizonte, 31 de janeiro de 2022.

Circular 001/2022 (em pdf)

De: Departamento Nacional de Arbitragem – NROI Brasil
Aos: Range Officers e Atletas Confederados da CBTP

Assunto: Revisão dos Manuais.
Anexos:
– Revólver Check de Equipamentos IPSC;
Revisão da Divisão Light;
Apêndice M10.

A NROI, comunica a todos os ROs e Competidores, que juntamente com a Diretoria da CBTP, está revisando os fornecidos abaixo:

  1. MANUAL DE VERIFICAÇÃO DE EQUIPAMENTOS: O Cheque de Equipamentos aprovado na Assembleia Geral da IPSC na Sérvia em 2019, deverá ser adotado em todas as competições, independentemente do Nível. A tradução deste manual será publicada nos próximos dias nas abas Diretoria de Arbitragem e Regulamentos, ambas no site da CBTP.
  2. REVISÃO DA DIVISÃO LIGHT: Armas no calibre .380 ACP estão automaticamente aprovadas para participar da Divisão Light, desde que atendam ao Regulamento da Divisão Light .380 ACP (versão 2019) disponível no site da CBTP* e passem pela checagem de segurança: Cão e Gatilho, Trava de Segurança Manual, Meia Trava e Desconector; todos os procedimentos de checagem estão devidamente explicados no Manual de Check de Equipamentos. Fica revogada a Lista das Armas Homologadas para a Divisão Light.
  3. REVISÃO DA TAG M10: Na Disciplina Mini-Rifle, na Divisão Standard, teve a premiação extra (somente no Overall) designada TAG M10*, que é exclusiva do Brasil, visando a liderança nos equipamentos de baixo custo. Atualizamos as orientações que delimitam as características das armas que poderão participar da premiação extra TAG M10, entre outras emoções. * A TAG M10 não é uma divisão, é uma premiação extra (Overall) para atletas que competem na Divisão Mini-Rifle Standard com equipamentos definidos neste documento.
  4. ALVOS: Os alvos utilizados nos Campeonatos Brasileiros de IPSC presenciais e nas provas on-line, devem seguir o padrão mundial, ou seja, cor Parda para alvos atiráveis ​​e cor Branca para Alvos No-Shoot. Nos alvos em que o contraste prejudicado ficará, deve ser utilizada a cobertura ao fundo para resolver o problema.
  5. HOMOLOGAÇÃO E SANCIONAMENTO DE PROVAS: Em breve publicaremos manuais atualizados para homologação e sancionamento das provas de níveis 1, 2 e 3, sendo que em relação à proporção de pistas (3C 2M 1L), volta a valer o determinado na REGRA 1.2.1.4 e certo pelo Apêndice A4.
    “O Balanceamento aprovado para uma competição de IPSC sancionada é a proporção de 3 pistas Curtas, para 2 pistas Médias e 1 pista Longa (3-2-1). (ver Proporções Aprovadas para Pistas no APÊNDICE A4).”
  6. SEMINÁRIOS: Os Seminários de Formação de novos ROs serão exclusivamente presenciais. Os ROs que se formaram por formato on-line, devem participar obrigatoriamente de um Workshop Presencial até 2023, para deixarem de ser RO Provisório. O Workshop Presencial será de 1 (um) dia com práticas. Os Seminários de Reciclagem de ROs terão novos formatos, que serão divulgados em breve.
  7. REGULAMENTOS: A página de Regulamentos será atualizada e desenvolvida as traduções dos manuais das disciplinas: Handgun, Carabina com Caliber de Pistola, Mini-rifle, Shotgun e Rifle, além do Livro de Regras Combinadas das 5 Disciplinas IPSC, em português e inglês. Pretendemos nos próximos meses, acrescentando também o manual da disciplina Air-Soft.
  8. COMITÊS ESTADUAIS: Estamos criando Comitês de Arbitragem em cada estado, visando ter maior contato com os ROs e Atletas, suas dificuldades e carências.
  9. PCC: Recomendamos em relação às provas de CCP, que os Clubes e Federações ao promoverem provas desta disciplina, utilizem as Divisões ratificadas pela Assembleia da IPSC de dezembro de 2021, que são: Divisão Iron para armas que usam equipamentos de mira aberta e Divisão Optics para as armas que usam miras óticas ou eletrônicas.

Atenciosamente,

CBTP
NROI
RD IPSC Brasil

[ad_2]

Fonte Notícia